A importância da proteção hepática | Naturallis
a importância da proteção hepática

A importância da proteção hepática

Existem muitas causas que geram uma inflamação do fígado. Por isso existe a importância da proteção hepática. O consumo excessivo de alimentos ou seguir uma dieta baseada em alimentos processados ​​nos leva a ser expostos a contaminantes, que inegavelmente, afetam o funcionamento do fígado, causando sobrecarga.

Chega um momento em que esse órgão não pode processar toxinas e gorduras com eficiência.

Conheça alguns dos fatores de risco associados à insuficiência hepática.

  • Baixos níveis de potássio.
  • Abuso de álcool
  • Exposição a alguns produtos químicos industriais e toxinas ambientais.
  • Obesidade
  • Dieta rica em gordura saturada e alimentos processados.
  • Altos níveis de triglicerídeos no sangue.
  • Certos medicamentos prescritos como acetaminofeno.
  • Infecções virais.
  • Doenças autoimunes

A proteção hepática pode ser feita através de uma alimentação saudável com alimentos que auxiliam na proteção e através de compostos hepatoprotetores.

Conheça alguns alimentos capazes de proteger o fígado:

1. Brócolis

O brócolis pode ajudar a prevenir o excesso de gordura no fígado, além disso, ele também ajuda a manter o controle da pressão arterial, é rico em nutrientes como cálcio, ferro, vitamina C, fibras e antioxidantes, que juntos ajudam a regular o metabolismo da gordura e do colesterol.

2. Abacate

O abacate protege e repara o fígado naturalmente, pois contém uma grande quantidade de compostos produtores de glutationa.

3. Açafrão

O açafrão, ou cúrcuma, oferecem maior proteção e até a regeneração das células hepáticas.

4. Beterraba

O suco da Beterraba, principalmente, é rico em antioxidantes chamados carotenoides e flavonoides, que ajudam a reduzir a inflamação e melhorar a produção de enzimas hepáticas.

Benefícios e a importância da proteção hepática

Certamente falamos sobre a o fígado quando uma pessoa ingere altas doses de bebidas alcoólicas, exigindo muito do órgão, ou quando ingere alimentos gordurosos e imediatamente sentem um desconforto. Porém, o fígado precisa ser protegido também em outras situações. Existem pessoas que sofrem um desconforto constante na região hepática que pode ser extremamente prejudiciais. Por isso da importância em consumir um protetor hepático.

Os principais benefícios de um hepatoprotetor são:

– Atividade antioxidante (aumento do glutationa, superóxido dismutase e catalase).

– Restabelecimento dos níveis de esqualenos e colesterol, componentes importantes na saúde da pele.

– Esteatose hepática, hepatite, cirrose, alterações no metabolismo hepático e alterações na produção de sais biliares.

– Uso durante tratamentos farmacológicos para manter a inflamação do fígado sob controle e impedir efeitos colaterais sintomáticos e não sintomáticos nos pacientes em decorrência da esteatose hepática não alcoólica.

Enfim, a proteção hepática é extremamente importante para o bom funcionamento do organismo. O principal processo que o fígado realiza no corpo é a detoxificação hepática, e ainda, é preciso ressaltar que o fígado produz componentes essenciais para o funcionamento do organismo, especialmente de vitaminas, ácidos graxos e outros componentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *