A importância do farmacêutico clínico | Naturallis Manipulação
farmacêutico clínico

A importância do farmacêutico clínico

Responsável pela promoção do uso racional de medicamentos, o Farmacêutico Clínico é o profissional que dá suporte a todos os profissionais com quem trabalha. Esse suporte acontece o uso de medicamentos, além de acompanhar os pacientes que iniciaram um novo tratamento ou que precisam de ajustes no tratamento que já fazem uso.

Seja por pacientes, seja pelos profissionais que lidam com pacientes e prescrevem medicamentos, essa atuação é muito importante. Segundo a OMS, 50% dos pacientes tomam medicamentos de forma incorreta.  E o percentual de internações devido às reações adversas a medicamentos em alguns países é em torno ou acima de 10%. Todo ano é necessário campanhas de conscientização do uso racional de remédios, e ter um profissional com esse conhecimento mais acessível para a população é muito importante.

Quando existe a atuação de um farmacêutico clínico a adesão ao tratamento acontece de forma mais fácil. Nesses tratamentos existe um risco menor de reações adversas e interações, reduz o tempo de internação, morbidade, mortalidade e custos do tratamento. E ainda melhora a qualidade de vida dos pacientes. Certamente isso não é pouca coisa num país em que a população é carente de cuidados com a saúde e tem dificuldades em conseguir atendimento.

Onde acontece a atuação do farmacêutico clínico

Permitindo que o paciente receba os medicamentos apropriados durante um período adequado de tempo, em doses ajustadas às suas necessidades individuais, o profissional dessa área se mostra, cada vez mais, indispensável. Seja no ambiente hospitalar ou diretamente no atendimento ao público, a presença desse farmacêutico só traz benefícios. Aliás eles podem estar presentes em diversos ambientes de saúde:

– Hospitais públicos, privados e filantrópicos;

– Farmácias e Drogarias;

– Clínicas.

As pesquisas demonstraram que a participação efetiva do farmacêutico clínico junto à equipe multiprofissional melhora os cuidados com o paciente. e inegavelmente aumenta a segurança, garante qualidade do tratamento, e ao mesmo tempo, reduz os custos e o tempo da internação do paciente. Assim, o envolvimento do farmacêutico clínico na equipe de atendimento ao paciente é um diferencial para garantir e orientar sobre o uso correto de medicamentos.

Com o papel de orientar os pacientes quanto ao entendimento da sua receita ter um profissional atuante em uma farmácia se torna um grande diferencial. Afinal nem todos sabem como guardar seus medicamentos, como se organizar para não esquecer as tomadas e tomar de maneira correta, como medir as quantidades na hora de tomar (gotas, metades, colheres medidas), o que fazer quando esquece uma dose, orientar sobre efeitos adversos e sobre os problemas da auto medicação entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *